Caminho do meio não ficar no meio do caminho - Meditação 9

Meditação 9 = Mercúrio retrógrado => C.O.A.C.H.

Estrelas no céu e peixes no mar têm em comum a quietude da mente, o silêncio: meditação. O Sol é o Centro do Sistema Solar, mas gira em torno do Centro da Galáxia que se situa a 26o Sagitário. Da perspectiva do Universo, a Via Láctea também é um ponto na imensidão de infinito. Estamos diante da percepção da existência de um Centro que se encontra em todos os lugares, de uma circunferência que não se encontra em lugar algum, como dizia Pascal.

O primeiro passo para entrar nesta Meditação é encontrar este Centro. No céu, Mercúrio retrógrado circunda o Sol mergulhando no céu ocidental de Peixes para “saltar” para fora das águas e nascer antes do Sol, anunciando o Sol.

Vamos encontrar este Centro, que inicialmente pode ser o Centro de seu corpo – um ponto a 4 dedos abaixo do seu umbigo. Respira imaginando que seu Centro está ligado ao Centro da Terra e percebe a conexão com o meio ambiente, a informação que lhe chega através dos sentidos. Aos poucos pode ir se familiarizando com estas informações e se harmonizando com elas sempre atento e consciente de sua respiração.

Há um silêncio entre uma batida e outra do coração que nos conecta com a abertura para o grande mistério da vida, de onde viemos, para onde vamos. Respira e aos poucos, expande seu centro, o centro de seu corpo para o seu coração. Open – abre o coração. Centrado – “Opened” (aberto) – Presente. Atenção plena no aqui e agora fluindo por meio de um contínuo estado de relaxamento e harmonia com o ambiente. A presença é a percepção consciente de seu lugar, no ambiente, do tamanho de seu corpo na sala, de sua participação ativa na manifestação da vida. Você repetir pra você mesmo: - Estou atento”. Centrado / Aberto (open) / Atento – permito-me sair da localidade da mente, imaginar um fio que vem do infinito abaixo dos pés, que liga todos os centros, passa pelo centro da Terra, pelo centro de corpo, do coração e se projeta ao alto da cabeça na direção do infinito afora. Outra linha que une os infinitos à esquerda e à direita, a frente e atrás, e percebemos a existência deste Centro que se encontra em todos os lugares: Conexão. Centrado, Aberto (Open), Atento (Presente), Conectado – esvaziamos o “cântaro” de nossa mente – sem julgamento da experiência para deixar o vazio do silêncio entrar. Respira – pausa – exala o ar – pausa - inspira – pausa: desde este lugar de pertencimento você pode simplesmente fluir na linha do tempo de sua vida e expressar plenamente as qualidades de cada momento de sua existência conscientemente.

Aos poucos Mercúrio se aproxima de Netuno ainda em Peixes, na direção contrária ao Sol, se afastando retrógrado do Sol, enquanto o Sol avança diligente na direção de Áries. No céu vai se abrindo a distância entre o Sol e Mercúrio, do mesmo modo que o coração aos poucos, depois da pausa, vai se abrindo, no ciclo após ciclo das sístoles e diástoles. Aos poucos também a Lua vai se enchendo da luz desta consciência representada pelo Sol, e no dia exato do equinócio, 20 de março, se colocará no plenilúnio, no fulcro da balança de Libra - que revela a necessidade de encontrar nesta abertura do novo ano astrológico, o caminho do meio. Mas esteja atento: O caminho do meio não é ficar no meio do caminho.

Boa Meditação Jose Maria

11 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Rio de Janeiro: Rua Cosme Velho 
São Paulo: Hotel Mercure, Av. Funchal 111
Telefone: +21 999138585  
Astro*Coaching - CFP 119.893.307-03
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle