Meditação 7 => a conjunção inferior com o Sol

Um arco-íris rabiscava o horizonte

Mercúrio na boca da aurora, mergulhado na luz do amanhecer, projeta as cores do arco-íris nas águas dos Peixes. A Abertura do luzes e de cores do céu do dia 14 - quando Mercúrio faz Conjunção Inferior com o Sol. A imaginação criativa nos abre uma perspectiva muito mais ampla de Visão que a racionalidade moderna tem descartado (Descartes). Hermes, Nabu, Thoth - são representados no céu pelo movimento do planeta Mercúrio. Estes deuses, a todo instante, conversam conosco, seja por meio de insights luminosos, poderosos, seja por meio da sincronicidade. O fato é que Mercúrio é apenas um pontinho brilhante vista da Terra, sempre muito próximo ao Sol, que descreve em suas órbitas celestes, planos, pequenos planos, como se fosse o bico de pena do "escriba dos deuses" - para Ptolomeo, o Mensageiro. Mas para mim, o seu pincel multicolor embebido das águas numinosas dos Peixes abre um lindo cenário cheio de magia e de significados, para este dia, rabiscando o horizonte com um arco-íris, é o seu design, sua assinatura. CONEXÃO

Mercúrio chega ao mesmo grau 24 de Peixes, em que o Sol se encontra, à noite deste dia 14 de março.

Nesta meditação vamos perceber a importância que tem Mercúrio para o processo de "mindfullness", ou de "atenção plena”, que não é, e nem pode ser, marca registrada de nenhum método de meditação, pois antes de tudo é um estado de presença, que se aproxima da consciência plena do aqui e agora, tão propagada por Sadhus, Sannyasins, Yoguis e a ser alcançado pelo "discípulo da luz"(Arhat), por quem dedicou grande parte de sua vida a ter hábitos alimentares saudáveis, sem toxidez (Yama), uma atitude correta e verdadeira (Niyama), saudáveis posturas físicas e purificação da Hatha Yoga (Asanas), consciência do alimento da energia da respiração (Pranayama), o controle das sensações e dos sentidos (Pratyahara), o foco da concentração da Mente (Dhyana), e então: Dharana, a Meditação, que abre caminho ao Samadhi (Iluminação).

Meditar não é só sentir, respirar, relaxar, pensar em não pensar...

É difícil estar plenamente presente com atenção plena, foco no momento, se o corpo dói, se não encontra posição, se está cheio de toxidez, se as emoções vão descontroladas, se a mente está dispersa e arredia, enfim, Meditar é um processo bastante complexo, que exige algumas condições prévias, é o modo de estabelecer uma relação verdadeira com a vida.

Meditar é mais do que uma função da Mente desperta, como pensar, sentir, é uma função do Ser desperto, que se adquire com o tempo, com o exercício, com a prática diária, com a disciplina do tempo, que o tempo (Cronos) impõe.

Essas foram são primeiras lições de Yoga, legado de Patanjali, disponível para o bem estar e atenção plena de todos. Assim não é propriedade ou privilégio de alguns, de nenhuma empresa, nem grupo espiritual, a não ser de quem a pratica. Mas é preciso dedicação para aprender e ter disciplina. Tornar um hábito.

O acesso à felicidade é gratuito e para todos.

A Meditação é o estágio mais elevado no processo de autorealização de um Yogi, ou alguém que se dedicou a vida toda a simplesmente Se,r e a expressar o que é, na qualidade de cada momento da sua existência.


E qual é a importância de Mercúrio nisso? Toda.


A qualidade de atenção plena de nossa presença no aqui e agora depende diretamente do modo de relação estabelecida pelas "sinapses", pela troca de informação e energias de cada instante entre o consciente (Sol) e o inconsciente, entre o mundo interior e o exterior, e esta parece ser uma das principais funções de Mercúrio.

Vamos ao exemplo.

Vou compartilhar com vocês os sete estágios que uso como técnica, ensaio ou exercício de Meditação há muitos anos, em todos estes passos são conduzidos pelo Logos:

Meditação em sete etapas.

1ªetapa:

Instalando a presença ao meio ambiente

2ª etapa:

Terra - soltando as tensões do corpo e harmonizando com os sentidos.

3ª etapa:

Água - aquietando as emoções e sentimentos

4ª etapa:

Ar - solta a mente e os pensamentos

5ª etapa:

Fogo - a abertura ligada ao centro de energia da vida, o coração.

6ªetapa:

Éter - Comunhão - conexão com o Todo, que está em tudo e é muito mais que a soma das partes.

7ª etapa:

- Retorno por cada etapa

É Mercúrio o condutor consciente de todo processo.

A informação em si que chega aos sentidos em forma de energia psíquica é transmitida, conectada pela função de Mercúrio, ao atribuir-lhe entendimento, significado: Logos.

Todo processo de aquisição de conhecimento, seja pela percepção gerada pelos sentidos, seja pelo viés da abstração, diz respeito à ação de Mercúrio, o planeta mais próximo ao Sol, ao Centro de energia vital, e de luz para a consciência.

"A Atenção está para a consciência como a energia está para luz."

Deriva dai a importância da atenção plena, mindfullness, da função de Mercúrio no processo de aquisição e desenvolvimento da consciência, da compreensão, fixação da memória e do aprendizado.

Boa Meditação

A Conjunção exata de Mercúrio com o Sol será as 22h48 Rio de Janeiro.

38 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Rio de Janeiro: Rua Cosme Velho 
São Paulo: Hotel Mercure, Av. Funchal 111
Telefone: +21 999138585  
Astro*Coaching - CFP 119.893.307-03
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle