Sexta Meditação: Mercúrio Rx e as distorções cognitivas.


Do que se ocupa sua Mente? Que ideias povoam o seu mundo interior? Mercúrio Retrógrado se aproxima do Sol.

Conhecemos a realidade dos fenômenos pelos vestígios que deixam em nossa Mente, o impacto ou impressão que provocam, e por isso acreditamos que é esta a realidade do fenômeno, quando na verdade é apenas o efeito daquilo que nos afeta. Algumas ideias podem causar mal estar, enquanto outras trazem satisfação e alegria.

Então é possível associar determinada experiência a um tipo específico de afeto, de onde deriva ou não. Alguma informação específica fica registrada na memória. Na maioria das vezes são informações difusas, que carecem de provas na realidade. Mas mesmo assim, corre-se o risco de se tomar como verdades últimas a experiência da própria subjetividade, como se fossem universais. A maioria vive imersa neste oceano inconsciente do modo passivo da imaginação, e por ela se deixa levar. Sujeitos não ao que acontece, mas ao que se imagina afetado, muitos tomam aquilo por verdade. Derivam daí inúmeras distorções cognitivas, mal entendidos, problemas da comunicação com a realidade. Um dos maiores problemas associados a Mercúrio quando se aproxima da Terra trata das distorções cognitivas. São inúmeras, tantas que nem nos damos conta. Mercúrio Retrógrado em Peixes é um prato feito para revelar as distorções cognitivas.

Esta Meditação é mais uma proposta de reflexão sobre algumas das distorções cognitivas mais comuns a que todos são acometidos no exercício da interpretação dos mapas que fazem da realidade.

Respira – e mergulha nas águas dos Peixes. Deixe-se levar ao lugar em sua Mente onde o foco de sua atenção encontra o registro de uma memória sobre algum assunto que lhe afeta. Perceba de onde brotam as ideias, das mais simples, adequadas, às mais complexas sobre aquilo. Não se deixe levar pelas emoções, apenas visualize na tela de sua Mente, como se fosse um filme. Como as distingue? - São claras, luminosas, distintas ou confusas e embaraçadas?

A respiração é sempre um condutor apropriado para não deixar que seus pensamentos derivem atraídos por sentimentos que lhe desviem o foco da atenção. Pausa. Inspire e exala. Por isso existem Mantras poderosos que o mantém em estado de suspensão dos pensamentos. Se tem o seu, use-o.

Como construir Metas Claras e Distintas, sem lhes atribuir verdadeiros significados?


Eis um breve menu das distorções cognitivas que desviam o real significado da experiência:

  1. 1. Generalização:

  • A pessoa com apenas alguns poucos fatos (e às vezes nenhum) pula direto para uma conclusão genérica ou prematura sobre determinada situação, coisa ou experiência e a toma como verdadeira.

  1. 2. Rotulagem:

  • É uma forma de “supergeneralização”. Por exemplo: usar o rótulo de um signo para pressupor e descrever o comportamento ou características de uma pessoa, como se a humanidade fosse dividida em apenas 12 tribos.

  1. 3. Leitura da Mente:

  • Usar os filtros mentais das próprias intuições sobre outras pessoas limitando o poder de percebê-las como realmente são. Supõe que sabe o que o outro está pensando. Pensa com a cabeça do outro e quer adivinhar seus pensamentos.

  1. 4. Profecias:

  • Projetar um futuro fechado para si, ou para o outro, como se não pudesse mudar, sem permitir-se ver outras possibilidades ou alternativas. Isto gera ”auto-profecias” e crenças limitadoras acerca do futuro. Testamentos cósmicos.

  1. 5. Terribilidade:

  • Imaginar sempre os piores cenários com uso de expressões do tipo “terrível”, e inevitabilidade criando dificuldades para encontrar soluções de problemas.

  1. 6. Ter que/ dever:

  • Usar a pressão do “ter que isso ou aquilo, como dever” para seguir as próprias regras cria uma espécie de tirania, elimina o bom senso e limita suas escolhas.

Estas são apenas algumas distorções: há muitas outras. Você pode descobrir muito mais sobre as possíveis distorções cognitivas que lhe afetam o significado de seus pensamentos mergulhando mais profundamente no pensar sobre seu pensamento.

E esta é uma época propícia para estas práticas. Mercúrio fica retrógrado, sondando dimensões mais profundas da experiência, até dia 28 de março. Durante este período você pode rever suas principais linhas de ação, fazer correções de rotas e ressignificar a própria vida. Talvez essa seja uma forma de chegar mais perto do que se chama de um Estado de Meditação, onde não há distorção cognitiva, pois simplesmente é suprimido o processo de racionalização. A Meditação é um dos passos mais elevados da prática oriental de Yoga. Muitos outros o antecedem. A excessiva racionalidade, da mesma forma que a excessiva emocionalidade das paixões, dificulta mudar o modo imaginação para o modo mais assertivo da intuição pura que é absolutamente isenta de distorções cognitivas, que quando são identificadas e eliminadas nos permitem ver com mais clareza a natureza da realidade do que se trata, ao menos com mais nuances e distinções.

(Você pode encontrar mais sobre este assunto no Livro “Liberte- se” de L.Michael Hall, Ph.D.)



Boa Meditação.

36 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Rio de Janeiro: Rua Cosme Velho 
São Paulo: Hotel Mercure, Av. Funchal 111
Telefone: +21 999138585  
Astro*Coaching - CFP 119.893.307-03
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle